Mulher branca e jovem, de costas, segura o cabelo liso e castanho enquanto se olha no espelho

O que é a touca de resfriamento? Ela evita a queda de cabelo causada pela quimioterapia?

Publicado em: 15/03/2021 - 06:03:00
Linha Fina

Tecnologia disponível no A.C.Camargo Cancer Center ajuda a combater esse efeito colateral 

A touca de resfriamento, como o nome diz, resfria o couro cabeludo e reduz a queda dos fios de cabelo durante a quimioterapia.

É uma forma de ajudar a preservar a saúde psicológica e a privacidade do paciente. A touca diminui a circulação sanguínea no couro cabeludo e isso reduz muito a queda de cabelo.

Em média, 50% dos fios são preservados em tratamentos os quais acontecem a queda de cabelo.

A touca é colocada 30 minutos antes de começar a quimioterapia e o paciente permanece com ela durante toda a sessão e, depois, por mais 90 minutos.

Depois disso, a touca é retirada e o paciente fica por mais 10 minutos em observação – a pessoa pode ler, ocupar-se com outras atividades e até mesmo ir ao banheiro, sem afetar o tratamento.


Touca de resfriamento: contraindicações 

O uso da touca de resfriamento, quando aplicada logo antes do início da quimioterapia, pode prevenir a queda dos cabelos, mas não é garantido. 

O médico oncologista precisa estar de acordo, uma vez que, em alguns tumores, há contraindicação para o uso da touca de resfriamento, como, por exemplo, leucemias, linfomas e tumores que afetam o couro cabeludo.

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?
Ao continuar você confirma ter ciência de nossa Política de Privacidade e dos respectivos Avisos de Privacidade e Proteção de Dados presentes em nosso Portal de Privacidade.
CAPTCHA
Esta pergunta é para testar se você é humano e para evitar envios de spam

Veja também

HPV: vacina previne vários tipos de câncer
O HPV, também conhecido como papilomavírus humano, é uma doença sexualmente transmissível (DST). Esse vírus pode ser transmitido por relações sem proteção e infectar pele ou mucosas. A boa notícia é que há uma vacina para inibir o HPV, mas o problema é que existe...
Conheça os tipos de câncer que podem acometer o útero
O útero é um dos órgãos do sistema reprodutor feminino. Ele tem o formato de uma pera invertida e é dividido em duas partes: o corpo e o colo do útero. O corpo do útero tem duas camadas, a interna, ou endométrio; e a externa...
Tumores ginecológicos: uma seleção de conteúdos para você saber tudo sobre a saúde da mulher
Tumores ginecológicos: mais de 30 mil mulheres são diagnosticadas anualmente, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA). Uma vez que os sintomas são ausentes ou inespecíficos na fase inicial do tumor, muitas vezes fica complicado perceber precocemente um câncer de colo de útero...
Tumores ginecológicos além do colo de útero: informe-se e cuide de você!
Os tumores ginecológicos envolvem muito mais do que o câncer de colo de útero, o terceiro mais frequente em mulheres. Estima-se que, em 2020, cerca de 16 mil novos casos de câncer de colo de útero foram diagnosticados no Brasil, assim como 6650 novos casos...
Podcast Rádio Cancer Center #39 - Sinais e sintomas de um câncer ginecológico: previna-se!
Câncer ginecológico, um problema que atinge mais de 30 mil mulheres a cada ano, segundo o INCA (Instituto Nacional de Câncer). São tumores no colo de útero, endométrio, ovário, vulva e vagina. A alta incidência decorre da descoberta tardia, uma vez que os sintomas são...