Inovação: a era da bioimpressão 3D chega à saúde

Publicado em: 17/05/2019 - 20:05:53

Tecnologia permite a construção de tecidos que reduzem rejeições e de modelos in vitro para testes de drogas imunossupressoras

Células carregadas em matrizes poliméricas, as chamadas biotintas, são impressas posicionadas hierarquicamente, camada a camada, de maneira programada. Nascem assim, por meio da tecnologia de bioimpressão 3D, tecidos humanos funcionais e modelos in vitro tridimensionais.

A bioimpressão surge como uma das mais revolucionárias tecnologias capazes de mudar os rumos do diagnóstico e tratamento de inúmeras doenças.

No campo da medicina regenerativa, abre-se um mundo de inovação que traz mais tecnologia para médicos e profissionais da saúde e esperança para pacientes. De acordo com a palestrante Ana Luíza Millás, da startup 3D Biotechnology Solutions, “a tecnologia de bioimpressão permite utilizar diferentes tipos celulares e materiais poliméricos naturais e/ou sintéticos, que, combinados ou não com as células do próprio paciente, permitem o desenvolvimento de tecidos com menor chance de rejeição e a produção de modelos para o teste de medicamentos imunossupressores”.

A fabricação dos objetos vivos é uma atividade multidisciplinar e interdisciplinar, pois exige o envolvimento de várias áreas de conhecimento. Os protótipos nascem de uma imagem médica de tomografia computadorizada ou de ressonância magnética, ou, então, de um desenho CAD - Computer Aided Design. Por meio de biotintas carregadas com células vivas e biomoléculas, vai nascendo o tecido. As biotintas são o equivalente às tintas em uma impressora normal. Porém, nesse caso, os cartuchos são recheados de proteínas, células e componentes biológicos que permitem a construção do tecido.

Na Oncologia, a bioimpressão vem ampliar os horizontes da oncologia personalizada por meio da impressão simultânea de células tumorais e de células saudáveis do paciente para reconstrução de estruturas 3D, simulando o microambiente tumoral. Podem ser usadas para avaliar a eficácia de tratamentos fora do corpo do paciente. É possível avaliá-las em laboratório, testar um imunossupressor, garantindo assim uma melhor eficácia do tratamento.

Vale destacar que essas iniciativas ainda estão restritas à pesquisa, mas a possibilidade de vários grupos de estudos estarem trabalhando com o mesmo tema em diversos locais no Brasil e no mundo gera uma quantidade enorme de informação qualificada que permitira grandes avanços na Medicina.

Acredita-se, ainda, que entre cinco e dez anos será possível produzir tecidos impressos com características específicas, passando por tecidos ósseos, de cartilagem, de pele e até enxertos e outros órgãos.

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?
Ao continuar você confirma ter ciência de nossa Política de Privacidade e dos respectivos Avisos de Privacidade e Proteção de Dados presentes em nosso Portal de Privacidade.
CAPTCHA
Esta pergunta é para testar se você é humano e para evitar envios de spam

Veja também

O papel do enfermeiro navegador e seu impacto na jornada oncológica
Durante a jornada oncológica, pacientes do A.C.Camargo Cancer Center podem contar com a expertise dos enfermeiros navegadores. São profissionais altamente especializados em oncologia que atuam como um elo entre o paciente e todas as equipes (assistenciais e administrativas), desenvolvendo um trabalho fundamental para melhorar os...
"O homem não pode se descuidar de jeito nenhum!"
Sou Carlos Levy, tenho 75 anos, funcionário público aposentado e pai de cinco filhos. Também sou avô dos meus quatro queridos netos e casado com o amor da minha vida, Amália. Desde meus 50 anos tenho um compromisso comigo mesmo: fazer meus exames periódicos. Sigo...
2020, O Ano do Profissional de Enfermagem
Saiba mais sobre essa especialidade vital para o cuidado. Clique aqui caso tenha problemas para acessar o vídeo abaixo. video { width: 100%; height: auto; }
21/09: Dia Mundial do Doador de Medula Óssea
Em 21 de setembro é comemorado o Dia Mundial do Doador de Medula Óssea, que tem como objetivo a conscientização sobre a importância da doação de medula óssea. O procedimento servirá para o transplante, um tipo de tratamento que visa substituir uma medula óssea doente...
7 passos para pacientes com câncer manterem a mente calma
Pacientes com câncer são afetados em qualquer idade. Existem, porém, formas de eles se manterem calmos e positivos, conforme se vê nas dicas abaixo. São ideias que valem não apenas para quem está em tratamento, mas também para quem faz parte desses pacientes com câncer...