Novembro Azul e as tendências no tratamento do câncer de próstata

Publicado em: 06/11/2019 - 15:11:31
Tratamento
Diagnóstico
Efemérides
Tumores Urológicos

 

Assista ao vídeo e conheça as possibilidades mais completas de tratamento para esse tipo de tumor, o segundo mais comum entre os homens

Não é necessário um Novembro Azul para que você atente-se aos tumores urológicos.

No Brasil, o câncer de próstata é o mais comum entre os homens (excluindo o câncer de pele não-melanoma).

São mais de 68 mil casos diagnosticados todos os anos. Os números assustam, mas existem formas de prevenir a doença, ainda mais devido aos tratamentos, que estão avançando.

Assista ao vídeo e saiba mais sobre as tendências de tratamento no câncer de próstata com o Dr. Stênio Zequi, head da Urologia no A.C.Camargo Cancer Center.

 

Novembro Azul como hábito

O que você pode (e deve) fazer para prevenir o câncer: adotar a alimentação saudável, fazer exercícios físicos, não fumar, ir devagar com o álcool e com as calorias para não engordar demais.

Sim, são as clássicas recomendações. Além de evitar o câncer, elas deixam você cheio de disposição, bom humor e ótima aparência.

Jogar aquele futebol no fim de semana é ótimo, desde que você mantenha uma rotina de exercícios durante a semana. Se não der para ir à academia, caminhe, ande de bicicleta, suba escadas, corra no parque. Não deixe seu corpo parado no dia a dia para suar a camisa somente no domingo.

Prato colorido é prato equilibrado: legumes, verduras, proteínas, grãos, carboidratos, tudo o que você precisa. Uma dica saborosa é abusar do vermelho na mesa, comendo muita melancia, goiaba, tomate. Eles contêm licopeno, substância antioxidante que ajuda a inibir alterações no DNA das células que provocam o surgimento do câncer. O tomate, então, é campeão: cozido, melhor ainda.

Novembro Azul

Higiene é saúde: fique atento à limpeza correta do pênis. E use camisinha para prevenir doenças, como a infecção pelo HPV (papiloma vírus humano), um grande fator de risco do câncer.

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?

Veja também

Fosfoetanolamina: posicionamento do A.C.Camargo sobre a "pílula do câncer"
Ontem, 14/04, foi sancionada a Lei 13.269/2016, para autorizar o uso da fosfoetanolamina no tratamento de pacientes com diagnóstico de câncer, mediante prescrição médica da substância. O A.C.Camargo Cancer Center é uma Instituição inteiramente dedicada ao cuidado de pacientes com câncer e suas rotinas são...
Vídeo: prevenção e diagnóstico precoce no câncer de intestino
No Brasil, o câncer de cólon e reto (ou colorretal) é o segundo mais frequente entre as mulheres e o terceiro mais comum entre os homens. Ele está intimamente associado a maus hábitos alimentares e, por isso, pode ser prevenido. Assista ao vídeo e entenda...
Um cisto no ovário pode estar relacionado a um câncer?
Cisto no ovário, uma preocupação que pode surgir entre algumas mulheres. Os ovários são órgãos responsáveis pela produção dos hormônios sexuais femininos e pelo armazenamento dos óvulos. São duas glândulas localizadas na cavidade pélvica da mulher, com formato parecido ao de uma amêndoa. A partir...
Tipo raro de câncer de pele, o melanoma acral exige maior atenção ao diagnóstico
Principal pigmento na produção da cor da pele, a melanina é gerada por uma célula chamada melanócito. Seu crescimento, quando normal, é controlado e substitui regularmente células velhas por novas e saudáveis. Porém, a exposição excessiva à radiação ultravioleta (UV), presente nos raios solares, pode...
Os pacientes oncológicos e a alimentação nas festas de fim de ano: cuidados necessários
Os pacientes oncológicos e a alimentação nas festas de fim de ano: está aí uma questão importante, já que, nesta época, muitas pessoas se reúnem para festejar e comemorar a vida com amigos e familiares. O cardápio das festas costuma ser recheado: peru, churrasco, rabanada...