Dia Mundial da Segurança do Paciente 2023 Pular para o conteúdo principal

Dia Mundial da Segurança do Paciente 2023: o paciente como agente ativo da sua própria segurança

 
Publicado em:

Dia Mundial da Segurança do Paciente 2023: o paciente como agente ativo da sua própria segurança

Publicado em:

Você já parou pra pensar no papel que o próprio paciente e seus cuidadores possuem na eficiência da segurança dentro de ambientes hospitalares? Este é o tema central do Dia Mundial da Segurança do Paciente deste ano, que ganhou o título “Engajar pacientes para a segurança do paciente” e é comemorado hoje, dia 17 de setembro. 

Como um grande time, junto aos profissionais de saúde, a ideia é que o paciente seja um parceiro no conhecimento e cumprimento dos protocolos de segurança do local, gerando assim, com base em evidências, ganhos significativos, tanto para o sistema de saúde como um todo, quanto para que a sua própria experiência seja satisfatória e os resultados cada vez mais positivos. 

Esta, por sua vez, é uma das quatro grandes metas de segurança do paciente traçadas pela OMS (Organização Mundial da Saúde), que são:

1. Aumentar a conscientização global sobre a necessidade de envolvimento ativo dos pacientes e suas famílias e cuidadores em todos os ambientes e níveis de assistência à saúde para melhorar a segurança do paciente; 

2. Envolver formuladores de políticas, líderes de saúde, profissionais de saúde e assistência, organizações de pacientes, sociedade civil e outras partes interessadas nos esforços para envolver pacientes e famílias nas políticas e práticas para cuidados de saúde seguros; 

3. Capacitar pacientes e familiares a se envolverem ativamente em seus próprios cuidados de saúde e na melhoria da segurança dos cuidados de saúde; 

4. Defender ações urgentes sobre o envolvimento do paciente e da família, alinhadas com o Plano Global de Ação para a Segurança do Paciente 2021–2030, a ser adotado por todos os parceiros. 

Mais do que uma questão local, a segurança do paciente tem alcance global e, por sua magnitude, merece ser discutida e melhorada todos os anos.  

134 milhões de eventos adversos ocorrem a cada ano em hospitais de países de baixa e média renda, contribuindo para 2,6 milhões de mortes anualmente. 

15% das despesas hospitalares podem ser atribuídas ao tratamento de falhas na segurança do paciente em países OCDE*. 

4 de 10 pacientes são prejudicados nos ambientes primário e ambulatorial. Até 80% dos danos podem ser evitados. 

*Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). 

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?
Ao continuar você confirma ter ciência de nossa Política de Privacidade e dos respectivos Avisos de Privacidade e Proteção de Dados presentes em nosso Portal de Privacidade.
CAPTCHA
Esta pergunta é para testar se você é humano e para evitar envios de spam

Veja também

Conheça o centro de imunização do A.C.Camargo
O centro de imunização do A.C.Camargo Cancer Center surgiu para ampliar ainda mais o cuidado ao paciente oncológico oferecido na instituição. O espaço disponibiliza com comodidade e agilidade as vacinas para pacientes, familiares e qualquer pessoa interessada no serviço de...
A terapia da calma
Se você está chegando agora à Oncolândia, esse novo mundo que altera totalmente aquele em que vivíamos antes, vou lhe dar um conselho de veterano, mesmo que você não peça: segure a sua onda. Mantenha a calma, controle a angústia...
CineClube Paliativo
Em 18 de junho de 2024, o A.C.Camargo apresentou o CineClube Paliativo. Especialistas em suas áreas de atuação conversaram sobre suas percepções de como o contexto do Cuidado Paliativo se aplica no Brasil. Confira os podcasts do evento:
Acolhimento, no ambiente do hospital
O que você acha dos ambientes que frequenta no A.C.Camargo? Os saguões, as salas de atendimento, os corredores de espera, os consultórios, qualquer ambiente? Como você avalia a acomodação que eles têm e as sensações que despertam nos usuários? Em...
Flexibilização do uso de máscaras
O uso de máscaras nas Unidades do A.C.Camargo Cancer Center está flexibilizado para algumas áreas por conta do atual cenário epidemiológico da Covid-19. Essa diretriz segue as novas recomendações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que flexibilizou o uso...