Citometria de fluxo: análise de células para o melhor tratamento | A.C.Camargo Cancer Center Pular para o conteúdo principal

Citometria de fluxo: análise de células para o melhor tratamento

 
Publicado em:

Citometria de fluxo: análise de células para o melhor tratamento

Publicado em:

Tecnologia permite que os pesquisadores identifiquem, entre milhões de células dos pacientes, os padrões relacionados à melhor resposta às drogas imunoterápicas

Cientistas do Grupo de Pesquisa em Imunoterapia do A.C.Camargo utilizam a inteligência artificial e uma máquina de última geração para aumentar a abrangência e a eficiência da imunoterapia – um tipo de tratamento que utiliza o próprio sistema imunológico dos pacientes para destruir os tumores.

Trata-se da citometria de fluxo de alta performance. Essa tecnologia permite que os pesquisadores identifiquem, entre milhões de células dos pacientes, os padrões relacionados à melhor resposta às drogas imunoterápicas, o que personaliza o tratamento.

“A imunoterapia é promissora, eficiente e tem menos efeitos colaterais, mas pode não funcionar para alguns pacientes”, conta o imunologista Kenneth Gollob, head do grupo de Imuno-oncologia Translacional do A.C.Camargo. “Com a citometria de fluxo, conseguimos encontrar novos marcadores relacionados à boa resposta imunológica e direcionar o tratamento a quem terá benefício.” 

A partir de uma amostra pequena de sangue ou do tumor, coletada dos pacientes do A.C.Camargo, o equipamento avalia 30 parâmetros simultaneamente em até 5 mil células por segundo. “Isso gera uma quantidade gigantesca de dados, que só tem resultados tangíveis graças à bioinformática”, acrescenta Kenneth. 

A informação da citometria de fluxo é analisada por um algoritmo, que encontra padrões relacionados à resposta imunológica, revelando os mecanismos que levam uma droga a ser eficiente para um paciente. Graças à inteligência artificial e ao aprendizado de máquina, quanto mais amostras são analisadas, mais robustos são os resultados. 

A evolução da imunoterapia já aconteceu com outra terapia disruptiva, a manipulação das células do sistema imune para que elas possam reconhecer e eliminar as células tumorais com maior eficiência. Esta abordagem é denominada Car-T Cells.

 

Ritmo forte

De acordo com o premiado pesquisador Yosef Yarden, do Weizmann Institute of Science, em Israel, a convergência tem sido fundamental para as descobertas que estão revolucionando o tratamento do câncer. 

“Graças à convergência, nós cientistas acreditamos que vamos testemunhar descobertas radicais sobre a detecção precoce do câncer”, afirma o cientista. “Metodologias como a espectrometria de massas e os fragmentos de DNA no sangue nos permitirão detectar tumores mais cedo, em fases nas quais as células tumorais ainda estão vulneráveis, aumentando a chance de cura.”

A superintendente de Pesquisa do A.C.Camargo, Vilma Martins, também acredita que a convergência é o caminho para acelerar ainda mais os benefícios aos pacientes com câncer. 

“Os avanços que temos conseguido, incluindo terapias disruptivas como a imunoterapia, dependem de muito conhecimento gerado em diferentes áreas da ciência”, avisa a doutora Vilma. 

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?
Ao continuar você confirma ter ciência de nossa Política de Privacidade e dos respectivos Avisos de Privacidade e Proteção de Dados presentes em nosso Portal de Privacidade.
CAPTCHA
Esta pergunta é para testar se você é humano e para evitar envios de spam

Veja também

Nossos índices de chance de cura são os mais altos do país
Lançado em abril de 2023, o Observatório do Câncer do A.C.Camargo avaliou mais de 98 mil casos tratados na instituição nos últimos 20 anos. E os dados apresentados mostram que, cada vez mais, alcançamos ótimos resultados junto aos pacientes. Nos...
A.C.Camargo contribui para o tratamento de câncer de cabeça e pescoço em países subdesenvolvidos
Como um cancer center, inovação e pesquisa fazem parte da nossa jornada diária. Além de ser um ato de grande orgulho para nós. Nosso corpo clínico é formado por grandes mentes pensantes que, junto a atuação em assistência, também lideram...
Linfoma de Hodgkin x Linfoma não Hodgkin
Conheça os sinais e sintomas de cada um destes tipos de câncer hematológicos O linfoma surge no sistema linfático, uma rede de pequenos vasos e gânglios que é parte tanto do sistema circulatório como do sistema imune. O sistema coleta...
Câncer colorretal tem cura e pode ser prevenido
O câncer colorretal é um dos mais frequentes no mundo todo. A boa notícia é que há prevenção para reduzir a probabilidade de desenvolver este câncer e as taxas de cura são altas quando detectadas precocemente. Por isso, conhecer e...
Ciência e conscientização para crianças: livro infantil aborda a importância da vacinação de forma lúdica
Ontem (9/5), aconteceu o pré-lançamento do livro Bel e o Admirável Escudo Invisível, do escritor Bruno Gualano, professor da Faculdade de Medicina da USP, cientista e colunista do jornal Folha de S.Paulo. O livro conta com o patrocínio do A.C.Camargo...