Aproveite o melhor do verão sem colocar sua saúde em risco Pular para o conteúdo principal

Aproveite o melhor do verão sem colocar sua saúde em risco

 
Publicado em:

Aproveite o melhor do verão sem colocar sua saúde em risco

Conheça os fatores de risco para câncer de pele

Publicado em:

Conheça os fatores de risco para câncer de pele

O verão chegou. E, com ele, a temporada de férias, praia, piscina e sol. O clima pode ser de descontração, mas os cuidados com a saúde da sua pele precisam ser redobrados para evitar os efeitos nocivos dos raios solares.

A campanha dezembro laranja está aí para lembrar que o verão pode ser lindo, mas que é preciso conhecer e entender o câncer de pele para aproveitar apenas o que esta estação pode oferecer de bom sem colocar sua saúde em risco.

Dr. João Pedreira Duprat Neto, head do Centro de Referência de Tumores Cutâneos do A.C.Camargo Cancer Center, explica quais são os principais fatores de risco para tumores na pele (melanoma e não melanoma):

  • Sol: a exposição prolongada ao sol, sem protetor solar, envelhece a pele e aumenta o risco de câncer no futuro.
  • Ter pele clara: o risco é bem maior entre pessoas brancas (loiras e ruivas).
  • Queimadura de sol: criança ou adolescente que já teve queimadura solar grave tem risco aumentado para a doença, tanto pelo mal causado como por mostrar que a pessoa tem mais sensibilidade.
  • Histórico de câncer de pele: a chance de ter outro tumor é maior.
  • Pintas: pessoas com muitas pintas, especialmente as grandes, devem consultar um especialista regularmente e ter cuidado redobrado quando expostas ao sol.
  • Idade: são mais comuns em adultos.
  • Sexo: homens correm mais riscos do que mulheres.
  • Histórico familiar: cerca de 10% dos pacientes com melanoma têm um parente próximo (pai, mãe, irmãos, filhos) com a doença. O melanoma familial, como é chamado, pode ocorrer também por um defeito hereditário, principalmente quando há mais de um melanoma em um indivíduo ou em parentes de primeiro grau. Nesses casos, é bom consultar um oncogeneticista.
  • Radioterapia: pessoas que fizeram tratamento com radioterapia têm mais chances de desenvolver câncer de pele, principalmente crianças.
  • Feridas que demoram para cicatrizar: podem resultar em um tumor de pele até 30 ou 40 anos depois da lesão.

Previna-se e cuide da sua saúde!

A exposição exagerada ao sol nos primeiros 20 anos de vida é decisiva para o aparecimento de câncer de pele na meia-idade. Por isso, o cuidado deve ser redobrado neste período, principalmente com as crianças. 

Ao fazer passeios ao ar livre, ir à praia ou à piscina, evite a exposição solar entre 10h e 16h. Use filtro solar com fator 30 ou maior. Porém, seu uso deve ser feito corretamente: a aplicação deve ocorrer cerca de meia hora antes da exposição ao sol, para garantir melhor absorção na pele, e deve ser reaplicado a cada duas ou três horas. Chapéu e óculos escuros também são ótimos para proteger a área delicada em torno dos olhos.

Pessoas com pele e olhos claros precisam usar filtro solar no dia a dia, principalmente no rosto e nos braços. A recomendação também vale para dias nublados.  

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?
Ao continuar você confirma ter ciência de nossa Política de Privacidade e dos respectivos Avisos de Privacidade e Proteção de Dados presentes em nosso Portal de Privacidade.
CAPTCHA
Esta pergunta é para testar se você é humano e para evitar envios de spam

Veja também

Linfoma de Hodgkin x Linfoma não Hodgkin
Conheça os sinais e sintomas de cada um destes tipos de câncer hematológicos O linfoma surge no sistema linfático, uma rede de pequenos vasos e gânglios que é parte tanto do sistema circulatório como do sistema imune. O sistema coleta...
Conheça o centro de imunização do A.C.Camargo
O centro de imunização do A.C.Camargo Cancer Center surgiu para ampliar ainda mais o cuidado ao paciente oncológico oferecido na instituição. O espaço disponibiliza com comodidade e agilidade as vacinas para pacientes, familiares e qualquer pessoa interessada no serviço de...
Câncer colorretal tem cura e pode ser prevenido
O câncer colorretal é um dos mais frequentes no mundo todo. A boa notícia é que há prevenção para reduzir a probabilidade de desenvolver este câncer e as taxas de cura são altas quando detectadas precocemente. Por isso, conhecer e...
Proteja-se: vacina contra HPV é sua defesa contra vários tipos de câncer
O papilomavírus humano (HPV) é uma infecção sexualmente transmissível (IST) que pode ser transmitida por relações sexuais desprotegidas, infectando a pele ou as mucosas, como boca, vulva, vagina, colo do útero, reto, pênis, entre outros. Porém, mais importante ainda é...
Dia Mundial da Higiene das Mãos: pequenos lembretes criam grandes hábitos
Se tem uma coisa que devemos fazer todos os dias é lavar as mãos. Mas, será que temos feito da forma certa? Ou com a frequência certa? O poder do hábito pode vir de pequenos lembretes que carregam grandes aprendizados...